Archive for the ‘Internacional-RS’ Category

h1

Inter. Um time Aos Farrapos*.

06/10/2009

inter_rsFutebol é uma caixinha de surpresas. Ao contrário da Direção dos Clubes. Todo mundo sabia que o Tite ia cair. Nunca encontrei, mesmo nos mais otimistas colorados, sequér um que confiasse que o “Seu Adenor” seria um técnico Campeão Brasileiro. Não é desrespeito ao profissional, deixe eu explicar melhor. Faça uma retrospectiva, veja quem foram os “professores” que entraram para esse seleto hall da fama. Todos tiveram uma carreira anterior muito longa e prodigiosa, ou vinham, mesmo que nos bastidores, acompanhando os mestres dessa arte que é dirigir um elenco – normalmente como assessores técnicos de gênios como Telê Santana (no caso do Murici Ramalho, só para exemplificar).

Agora, me digam, qual a história do Tite? Ele não é culpado pelo fracasso do time do Internacional, a grande promessa do ano de 2009 que nunca aconteceu. Mais uma vez, a Diretoria mostrou incompetência ao não saber agradecê-lo pelos serviços prestados no momento certo, e ter trazido um técnico à altura da grandiosidade do Colorado, que cisma em achar que é time pequeno e que, estar com uma vaga na Libertadores já é feito digno de comemoração. Agora, nem isso temos mais.

E assim, nesse pensar pequeno, realmente parece ao mundo que o título mundial de 2006, arrancado em cima do Barcelona foi realmente mera obra do acaso. Um golpe de sorte de Adriano Gabiru, talvez o único momento de sua medíocre e infeliz carreira. E que nós, colorados, continuamos vivendo de memórias do Inter de 70, que nunca mais vai voltar. Que só nos resta mesmo a luta e a garra – a superação é algo maior que a glória da vitória! Perdemos, mas nunca caímos de joelhos! O gaúcho podia aprender que só isso não basta, que não somos mais Os Farrapos*. O mundo mudou muito, o futebol rio-grandense ainda não. Vencer, vencer, vencer, como diria o hino do Flamengo.

Também não mudam os dirigentes, que erram ao demitir a essa altura do campeonato o Seu Adenor, e ainda por cima, trazem o Mario Sérgio – que nunca foi técnico profissional, e já vem com os dias contados. Aguardam no Inter que o Luxemburgo venha ao final do contrato com o Santos. Será que ele vêm, mesmo se não alcançarmos a vaga na Libertadores? Quem conhece a história dele, já sabe a resposta.

Rodrigo Conde
escreve para o Fla&News.
Paulistano por acaso, é filho, neto e bisneto de gaúchos. Foi criado em Porto Alegre, e há 3 anos é um dos 15 milhões de moradores da capital paulistana.

* Os Farrapos eram os revoltosos que se rebelaram contra o Governo Imperial, pela criação da república Rio-Grandense, no século XIX. O termo inicialmente era pejorativo, mas acabou sendo adotado como identificação, inclusive do movimento e da própria Revolução Farroupilha, de 20 de setembro de 1835.

Anúncios
h1

Sem futebol

27/09/2009

petkovic_no_beira_rioImpossível comentar a partida entre Internacional x Flamengo que aconteceu na tarde deste domingo no Gigante da Beira-Rio. Não houve futebol. Castigado por mais de 24 horas de chuvas, o gramado do estádio colorado se transformou numa enorme piscina.

Sobre o cancelamento ou não do jogo, é importante saber que a televisão não possui ingerencia nisso diretamente. A responsabilidade ali era do árbitro, que deveria ter se atentado para a falta de condições do gramado. Mais ou menos como quando falta luz em algum estádio. Sem querer comparar, mas apenas para lembrança, é bom saber que na Champions League, os principais times europeus jogam sob neve na Russia e ninguém reclama.

Prevendo as dificuldades com o clima / campo, Andrade mudou o time. Voltaram os “tradicionais” 3 zagueiros, ainda com o auxílio de 2 volantes. Ou seja, na cabeça do próprio técnico, a chance do time marcar algum gol lá ficava basicamente sob responsabilidade de Adriano e sua reconhecida força física.

Petkovic, jogador leve e de muita técnica com a bola, sumiu no jogo. Ja o Imperador, incomodou a defesa gaúcha o tempo todo, muito mais na trombada do que na técnica. Era o que dava pra fazer.

O Inter não chegou a dominar o jogo em tempo algum (O aguaceiro inviabilizava), mas levou perigo em faltas cometidas perto da área. Mais uma vez, o criticado Diego entrou numa fogueira e conseguiu fazer bom papel.

No fim das contas, 1 ponto pra cada um. Ruim para ambos. Bem pior para o Internacional que viu sua diferença para o líder Palmeiras aumentar para 6 pontos e chance de título diminuir consideravelmente. E Tite segue sendo criticado pela torcida colorada.

Ja o Flamengo, segue sua caminhada complicadíssima ao sonhado G4. Para conseguir a façanha, será necessário aumentar o aproveitamento dos pontos, hoje na casa dos 48%, e isso passa or vencer jogos fora de casa, o que não vem ocorrendo.

h1

Coincidência?

28/08/2009

Sandro_internacional-RSO bom volante Sandro, revelação do Internacional-RS no Campeonato Brasileiro, foi convocado pelo técnico Dunga para substituir Josué, machucado.

Ocorre que o Tottenham Hotspurs, da Inglaterra, esta negociando a aquisição do jogador junto ao clube colorado e também é público e notório que as regras para liberação de visto de trabalho no futebol inglês são bastante rígidas, a não ser que haja convocação do futebolista para sua seleção nacional.

Porque será que eu acho que nem tudo no futebol é coincidência?

h1

Boa quarta na Vila Belmiro

28/08/2009

 

O Internacional, eterno candidato ao título, foi à Vila Belmiro enfrentar o Santos e eles fizeram um bom jogo. E, começou jogando melhor, chegando a perder um gol cara a cara com o dispersivo Andrezinho. Mas, logo o Santos se encontrou e marcou 2 gols. O segundo, um belo gol de Kléber Pereira, que parece ter reencontrado o bom ambiente na equipe. O Inter empatou ainda no primeiro tempo.alecsandro_inter

No segundo tempo, o Inter virou (?!?!). Detalhe, os 3 gols colorados foram marcados pelo centroavante Alecsandro, mais conhecido por ser irmão do exótico Richarlysson. O time paulista partiu pra cima, conseguiu empatar com Kléber Pereira (de novo) e quase virou o jogo no fim. Tudo acabou no 3×3, na prática, ruim para os dois lados.

O Santos deverá ter bons momentos ainda no campeonato pois o time no geral, é bom, apesar da limitada defesa. Mas não dá pra almejar nada mais do que classificação à Sulamericana em 2009, por mais que Vanderlei Luxemburgo tente mascarar isso. Já o Internacional, é uma incógnita. Tem elenco, além do time, bastante qualificado. É muito forte no Beira Rio, mas não tem grande desempenho quando joga fora de Porto Alegre (Apesar de ter jogado em na Vila Belmiro). Particularmente, tenho dificuldade de acreditar que o especialista em neurolingüística Tite consiga levar o time colorado ao título brasileiro.

h1

Olé à gaúcha

22/06/2009

Nada como uma semaninha na Serra. Time concentrado, comissão técnica unida. Apesar, ainda, de algumas notícias desencontradas, la foi o Flamengo ao Maracanã enfrentar o Internacional.adriano-flaxinter

Internacional que veio muito desfalcado. Nilmar e Kleber na Seleção Brasileira. D’Alessandro e Magrão machucados. E no vestiário, foi vetado para a partida o garoto Taison, que havia jogado bem contra o Corinthians na final da Copa do Brasil.

Cuca sabia que precisava vencer. Uma derrota em casa, provavelmente, o faria acordar na segunda feira como mais um da estatística do desemprego. E assim, armou o Flamengo para pressionar o adversario desde o início e forçar as jogadas no atacante Adriano.

Aos 12 minutos, a zaga do Inter parou pedindo impedimento num lançamento pela esquerda e Adriano apareceu na cara de Lauro. O Imperador deu um leve toque e abriu o placar. Depois do gol, o time gaúcho continuou confuso em campo, até abusando de faltas (item no qual o argentino Guinazu é campeão). O Flamengo recuou um pouco esperando chance em contra ataque. Que logo apareceu… Leo Moura fez boa jogada pela ponta direita e cruzou. Ibson se antecipou e deu lindo passe deixando Emersom na cara do gol. Flamengo 2×0.

adriano_golE assim ia terminar o primeiro tempo. Mas, numa falta cavada por Emersom, Adriano cobrou com perfeição, colocando sobre a barreira, no canto esquerdo do goleiro Lauro. Ali, praticamente matou o jogo.

E o segundo tempo, virou treino. O Inter tentava alguns ataques, mas o Flamengo tinha o controle do jogo. E finalizou o placar num belissimo lançamento do Juan para o Léo Moura, que sofreu penalty. Adriano pegou a bola e bateu. Gol! 3 gols no jogo, o que os ingleses costumam chamar de hat trick.

Que conclusões podemos tirar desse jogo?

fla_x_interO Flamengo não tem o melhor time do campeonato. Mas também não tem o pior. Os jogos contra Sport e Coritiba foram estranhíssimos. A diretoria levou o time para Teresópolis e pelo menos, o ambiente parece ter melhorado bastante. Mas esse grupo já teve boas atuações em outras oportunidades e todos sabemos que qualidade não falta. Se vai ter continuidade, não sabemos, e talvez nem o Cuca.

O Inter, com muitos desfalques e com o foco ainda na Copa do Brasil. Sem falar no jogo da Recopa Sulamericana contra o LDU na próxima quinta feira. Apesar dos desfalques, estavam em campo alguns festejados titulares colorados, como: Lauro, Guinazu, Indio, Alvaro e Sandro. A cobrança vai aumentar no Beira Rio se o resultado contra o LDU não for bom. Na outra semana, tem o Corinthians em casa precisando reverter vantagem de 2 gols. Definitivamente, os colorados já tiverma dias melhores.

h1

Ronaldo. Mais uma vez…

19/06/2009

Mais um jogo decisivo.

Mais uma bola lançada na corrida.

Mais um mano a mano com um zagueiro renomado.

ronaldo_x_interMais um gol bonito em arrancada na diagonal.

Ronaldo parece gostar de ser desafiado.

Quando acham que dessa vez não vai dar mais pra ele, as respostas contrarias aparecem rapidamente.

Foi um grande jogo a final da Copa do Brasil – parte 1, no Pacaembú.

Ao contrario do que fez em outras oportunidades, o Internacional foi a São Paulo enfrentar o Corinthians atacando e tenando marcar o adversario no campo de ataque.

Mas, o Corinthians de Mano Menezes é um time muito bem treinado. Bem postado defensivamente e trocando passes rápidos no ataque, o time conseguiu um 2×0 que o deixa em posição excelente para ir a Porto Alegre disputar o jogo de volta.

A situação dos colorados não é simples. Têm que marcar 3 gols e não sofrer nenhum pra serem campeões. Se conseguirem, será uma façanha.

h1

Copa do Brasil 2009 – palpite da final

17/06/2009

FINAL DA COPA DO BRASIL 2009

1o jogo – Pacaembú – São Paulo

Corinthians x Internacional

O time paulista vem de alguns jogos ruins e com Ronaldo bastante fora de forma. Terá a seu favor o clima criado pela fiel e a consistência defensiva elaborada por Mano Menezes, que estuda começar o jogo com 3 atacantes.

Os gaúchos de vermelho vêm a São Paulo com 4 importantes desfalques. São eles: Nilmar, D’Alesandro, Kleber e Bolívar. Todos fazem falta apesar do bom elenco colorado que repôe as peças com qualidade. Se repetir o que tem feito nesta Copa do Brasil quando atua fora de casa, o técnico Tite montará mais uma de suas potentes retrancas para levar a decisão com um empate ou derrota so por 1 gol para Porto Alegre.

A tendência é de pressão corintiana desde o início para sufocar o Internacional. Mano Menezes sabe que a chance do título esta no primeiro jogo em casa e com o adversario desfalcado de importantes jogadores. Ao Inter, cabe agredir o Corinthians quando puder, fazendo uso de seu rápido contra ataque para tentar fazer algum gol no Pacaembú.

PALPITE FLANEWS: O Corinthians vence o primeiro jogo por diferença só de 1 gol.

E você leitor… Acha o que? Quem vence o primeiro duelo da final da Copa do Brasil 2009?