h1

O personagem

04/05/2009

cuca_flaAlex Stival, o Cuca, tirou hoje um enorme peso das costas.

É o grande personagem do tricampeonato carioca do Flamengo.

Emotivo, passional e até melancólico, mas extremamente sincero. Honesto com suas crenças e esperanças. Uma raridade no meio do futebol.

Voltou ao Flamengo após um trabalho mal começado em 2005. Nos últimos 2 anos, foi vice dirigindo o Botafogo. Participou ativamente do vergonhoso episódio do chororô, no campeonato de 2008.

Foi criticado no início do ano quando respondeu às provocações da torcida botafoguense.

“Eu queria muito esse título. Agora, terei pelo menos um ano de paz para trabalhar tranquilamente sem cobranças.”- disse ele ao fim do jogo de ontem.

Ele precisava muito esse título. Quase se complicou. Mas conseguiu.

Parabéns, Cuca!

Anúncios

3 comentários

  1. O que me dá raiva no Cuca é saber que ele joga não com vontade de vencer, mas com vontade de não perder.
    Isso está provado em todas as entrevistas que ele deu.


  2. A mística da camisa rubro-negra suplantou o sapato-freezer do Cuca!


  3. Isto também sempre me incomodou, Phill. Mas acho que ele é bom, e que agora, sem carregar esse peso, poderá fazer um bom trabalho, relevar uns talentos da base (os poucos que ainda não foram vendidos). Temos que reconhecer que ele sabe fazer isso.



Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: